Epi Pan

Ebi Pan

No Japão existem pães que, por algum motivo, são muito populares. O epi pan é um deles. Eu confundia com ebi (camarão) e só recentemente fui perceber meu engano. Épi seria do ramo de trigo, daí os “grãos”, de um lado e de outro. É, não fazia sentido pão-camarão, mesmo… 😀

Costumava comprar em padarias, não encontrava em lojas de conveniência. Comia quebrando os “galhinhos”, como lanche.

O pão é, basicamente, um pão francês, enrolado com bacon magro ou presunto e cortado de forma decorativa. O queijo foi por minha conta.

330 ml de água

500 gramas de farinha

1 1/2 colher de chá de sal

1 colher de sopa de açúcar

6 gramas de manteiga ou margarina

2 colheres de chá de fermento seco

Na máquina de pão, coloque a água, o açúcar, sal, manteiga, farinha e fermento, nessa ordem e ligue o aparelho. Na mão, misture todos os ingredientes menos o fermento e a água. Faça uma cova no meio, coloque o fermento e vá adicionando a água. Sove por 10 a 15 minutos, até que a massa fique lisa, sedosa e elástica (pegando um pouco de massa, ela se estica sem romper, até quase ficar transparente).

Deixe crescer até dobrar de volume. Divida em 3 partes, tire o ar, abra em um rolo, em um retângulo de mais ou menos 30 a 40 cm de comprimento por uns 15 cm de largura. Distribua fatias de bacon magro ou presunto e enrole, beliscando na emenda para fechar bem. Deixe descansar até dobrar de volume, coberto.

Corte, usando uma tesoura, em fatias diagonais, sem contudo separa-las, como mostra a foto. Cada fatia, dê uma inclinada, ora para a direita, ora para a esquerda, formando “galhinhos”.

Ebi Pan - Cortando

Pincele com clara, salpique queijo ralado e leve ao forno bem quente por uns oito minutos. Esse tempo varia muito de forno para forno. Observe se a massa firmou um pouco e parou de crescer. Então abaixe para forno médio e termine de assar. Assim que colocar o pão no forno, joguei uma concha de água no fundo do forno, sobre a chapa quente. Forma-se um vapor (e a placa pode até estalar, mas não há problema) e fechei imediatamente o forno. Repeti a operação mais duas vezes, durante os oito minutos iniciais.

É melhor comer no dia, mas não fica ruim se requentado no forninho elétrico, no dia seguinte.

Sobre o Mellon Pan, comentei aqui:

Pães Japoneses e o Melon Pan

Sobre o An-pan:

An-pan


Share This Post

6 comentários em “Epi Pan”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *