Bisnaga com Fermento de Batata

Bem, outra experiência usando o fermento de batata. Como o resultado anterior foi bem ácido (embora eu não ache isso desagradável), resolvi testar usando uma pequena quantidade de bicarbonato para diminuir a acidez. Funcionou. O pão ganhou um cheiro mais de levedura. A consistência final foi firme. Não, não ficou parecido com a baguete, é um pão bem mais encorpado.

350 gramas de fermento natural de batata

350 gramas de farinha de trigo

6 gramas de sal

Água

Misture o fermento natural com a farinha e o sal. Acrescente água se4 necessário. Sove por alguns minutos até desenvolver um glúten médio, ou seja, a massa ganha elasticidade, não rasga com facilidade quando esticada entre os dedos, mas apresenta pontos onde é mais espessa.

Unte uma tigela com óleo e deixe a massa descansar por meia hora.

Na própria tigela, dobre a massa em 3 (no sentido horizontal), achate-a levemente e torne a dobrar em 3, mas dessa vez, no sentido vertical. Enrole em uma bola e deixe descansar mais 15 minutos. Repita as dobras com intervalos de 15 minutos mais 2 vezes. A massa vai ganhando elasticidade a cada dobra.

Deixe crescer até dobrar de volume.

Divida em porções, abra com um rolo, enrole bem apertado. Belisque a borda da massa no final do rolo e apérte bem as pontas. Deixe descansar até crescer, de preferência em ambiente aquecido e úmido (uma tigela de água quente dentro do forno fechado costuma bastar).

Aqueça o forno. Faça cortes ao longo da massa. Leve para assar em forno bem quente nos primeiros 10 minutos e depois abaixe um pouco.

Share This Post

7 comentários em “Bisnaga com Fermento de Batata”

  1. Marisa, esses seus pães me matam (de vontade de comer…) Hehehehe.
    Perfeito! Nem em panificadoras chiques a gente encontra coisa igual. Parece pão de fotografia!!!
    Esse é o autêntico capricho oriental.
    A propósito, estive aí em Londrina, junto com minha esposa, no Congresso do Novo Nascimento, da Primeira Igreja Batista. Chegamos ontem. Calooooorrrrr…

  2. Garanto que dá para fazer em casa, sem equipamento especial além do essencial. Os cortes eu fiz com uma lâmina de barbear, mesmo.
    E eu não estou morando mais em Londrina. Mudei-me há alguns meses para Ibiúna, São Paulo.

  3. Marisa Ono,meu nome é Roselia,moro em Barra do Garças-MT, eu e meu marido estamos tentando abrir uma padaria,com pães naturais feitos com fermento natural de batatinha Inglesa, mais utimamente meus pães não quer crescer e quando cresce , antes ou quando esta assando eles mucham, a 2 dias atras sabendo que o bicarbonato deixa a massa mais macia e leve tive a ideia de colocar bicarbonato na massa, mais tenho medo de errar a quantia de bicarbonato, imaginei 2 colher de café… E ai essa quantia e muito ou poca, por favor me de uma tica. Obrigada, Beijos e seus pães só de olha enche a boca d água.

  4. Roselia, recomendo que você contrate um padeiro. Uma coisa é fazer pães em casa, outra é fazer disso uma empresa. Se não conhece o ramo, vai precisar de alguém que seja profissional da área. Amadorismo geralmente resulta em prejuízo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *