Costelinha Marinada no Kimchee

Costelinha Kimchee

Sempre achei o kimchee um ótimo tempero. Bem, na verdade, não só eu, mas o coreanos e, nos últimos anos, japoneses.  É rico em sabores e aromas, picante, estimulante!  Os japoneses usam kimchee em sopas, refogam com arroz (em um yakimeshi ou tcharam), ensopados, refogados com carne… Mas, no caso da receita das costelinhas, usei o preparado pronto para kimchee, que eu uso, de vez em quando, para fazer um asazuke.

Nem chega a ser bem uma receita. Peguei dois pedaços consideráveis de costelinha de porco, besuntei com o preparado, juntei um pouco de sake (podia ser vinho branco),  uma colher de pasta de soja (misso), por conta do aroma delicioso que dá a qualquer assado. Fechei tudo em um saco plástico para alimentos, grosso, forte.  Deixei um dia nessa mistura, virando o saco de vez em quando.

Levei ao forno coberto, até ficar cozido e macio.  Descobri e deixei corar, regando eventualmente. Não deixei tostar muito por receio de que ganhasse um sabor amargo.

O resultado? Uma costelinha macia, suculenta, com um certo aroma defumado, um sabor extra (chamo de umami?) do kombu picado do preparado…E, afinal de contas, não parece ser um prato tão asiático assim.

Acho que ficaria bom também com frango. Mas isso é outra história.

Share This Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *