One Comment

  1. Que interessante essa fruta… Naturalmente eu não conhecia, e fui imediatamente ver meu livro “Frutas do Brasil”, de Helena Tassara e fotos de Silvestre Silva, e nem lá eu encontrei. Só de frutas amazônicas os chefs brasileiros terão um século de margem para pô-las à nossa boca,rs. Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *