5 Comments

  1. Ai, vou confessar todo ano eu vou na Liberdade e compro um Ramune de cada cor só porque gosto da embalagem retrô. Até deixei um verde limão e rosa pink radioativo lá no Rio com a Bia.

  2. Cristiane Yumi Suzuki

    Marisa, meu pai dizia que a bolinha era para preservar o pouco gás que a bebida tinha. Eu não sei se era isso mesmo, pq. nunca fui atrás e só achei algo sobre ela aqui no Delícia.
    Beijinhos, Yumi

  3. Marisa Ono

    Bem, Yumi, quando eu era criança, meu pai vivia falando para eu beber água ou refrescos gelados devagar, para não engasgar e não esfriar a traquéia. Dizia que ela poderia contrair e eu podia morrer asfixiada. Creio que o pessoal da época dele acreditava muito nisso e tinha medo que as crianças se sufocassem. Mas hoje, o fato é que o formato original e único da garrafa do ramune sempre chamam a atenção. E, pelo que me lembro, é quase um símbolo do verão japonês. Ele aparecia em todos os cantos: lojas de conveniência, barraquinhas na praia, em tanques gelados nos supermercados.

  4. Cristiane Yumi Suzuki

    Marisa, lembrei disso também. Meu pai falava que a bolinha era pro líquido não entornar de uma vez só na garganta!!!
    Ele dizia que sentia o gosto da terra dele (Hitachi, em Ibaraki – você conhece?) quando bebia Ramune, pq. o sabor permanecia idêntico desde sempre…
    Beijos, Yumi

  5. Daiane

    Oi nunca tomei mais estou louca para experimentar, acredito que aqui em Santa Catarina não vou encontrar, mais tenho um amigo que vai abrir um restaurante Japones e gostaria de indicar para ele, Ê um refresco individual? Onde podemos encontrar? E vcs sabem + ou – o valor de cada um? obrigada Daiane

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *