Tofu com Camarão e Curry

Há quem diga que não goste de tofu (queijo de soja). Eu acho um pouco de graça, o fato é que tofu não tem tanto sabor. Como eu gosto – e muito – percebo diferenças entre o tofu feito no dia, por exemplo. E dependendo do grão utilizado, o tofu pode ter uma sutil doçura.

Se não tem muito sabor, ele a qualidade de combinar com quase tudo e absorver sabores. Hoje fiz com curry, camarões e ervilhas. É um prato quente, que satisfaz. Acompanhe com  arroz branco.

200 gramas de camarão pequeno, limpo

1/2 colher de chá de suco de gengibre (limpe, rale e esprema o gengibre)

1 colher de sopa de clara de ovo

1 colher de sopa de amido de milho ou fécula de batata

Sal

1 tofu

150 gramas de ervilha (fresca ou congelada)

2 a 3 colheres de chá de curry em pó (as marcas variam muito, ajuste conforme seu paladar)

1 colher de sopa de ketchup

1 colher de sopa de shoyu (molho de soja)

3/4 de xícara de água ou caldo (de frango ou camarão)

Sal, pimenta-do-reino à gosto

1 colher de chá de suco de gengibre

Um pouco de amido de milho ou fécula de batata

Cebolinha picada

Tempere o camarão com sal. Adicione a clara e misture. Junte o amido e deixe pegar gosto enquanto prepara o resto.

Aqueça água em uma panela. Corte o tofu em cubos de 3 cm. Coloque o tofu na água quente e deixe ferver em fogo baixo por uns 3 minutos. Escorra.  Isso vai fazer com que o tofu fique um pouco mais firme e não se desmanche com tanta facilidade.

Se utilizar ervilhas frescas, cozinhe-as em água quente. Se usar congelada, coloque-as ainda congeladas em água quente. Escorra.

Aqueça um pouco de óleo em uma panela, frigideira funda ou wok. Refogue o camarão. Adicione a água (ou caldo), ketchup, shoyu e curry. Confira o sal e tempere com pimenta-d0-reino à gosto. Engrosse com amido diluído em um pouco de água fria. Deve ficar um mingau não muito grosso.

Adicione o tofu e as ervilhas. Misture com cuidado para que o tofu não se desmanche. Aqueça. Finalize com cebolinha e suco de gengibre.

Com todos os ingredientes à mão, fica pronto em menos de 15 minutos. Se tiver arroz já pronto, é uma refeição quase completa. Vai para a categoria “cozinha do desespero”.

Share This Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *