Creative Commons License
Blog Delicia by Marisa Ono
is licensed under a Creative Commons.

Imagem cedida pelo Studio Oz

Alho Negro na Bombay

Pinterest Master

  Pinterest

Doe Com Um Clique

Imprimir Imprimir

Caspian Sea Yogurt

A estréia do meu amigo LP como co-autor, escrevendo sobre iogurtes caseiros foi um tremendo sucesso! Aproveitando o assunto, lembrei-me de que existe pelo menos um tipo de iogurte que pode ser feito sem iogurteira elétrica. No final da década de 90 e começo deste século, o iogurte do Mar Cáspio tornou-se muito popular no Japão. Fermenta à temperatura ambiente (20 a 30 graus Celsius), não é tão ácido e aguenta uma semana na geladeira. Muita gente dividiu a amostra com amigos, vizinhos e parentes. Tudo que a pessoa precisava era adicionar uma porção de iogurte para dez de leite em um pote bem limpo, misturar com uma colher também limpa, tampar e esperar de 6 a 24 horas (eu costumava ter bons resultados em 12 horas, mas variava conforme as estações). Mas, por experiência própria, digo que acidentes acontecem e a amostra acabava sendo contaminada, ganhava uma cor amarelada e cheiro estranho.

Hoje algumas empresas comercializam as bactérias liofilizadas, em sachês. Se seu iogurte for contaminado, é só recomeçar tudo de novo. Eu iria gostar muito se os importadores trouxessem esse iogurte e o keffir liofilizado também.

O “Caspian Sea Yogurt” só tem um porém: é viscoso. A textura não é tão atraente. Por isso mesmo eu o transformava em uma bebida, que consumia nos intervalos do trabalho.

A página da Fujico, que comercializa o iogurte do Mar Cáspio liofilizado, em japonês é este:

http://www.shop-fujicco.com/caspia/making/hunmatu.html

Share This Post

45 comments to Caspian Sea Yogurt

  • Clau B

    Cara Marisa,
    Meu nome é Cláudia Bernardino, moro em Manaus e há cerca de uma semana fui “apresentada”a você através do GOOGLE.
    Procurando uma receita de soja verde , ele(GOOGLE) me direcionou ao seu Blog.
    Não apenas encontrei o que eu queria, como muito mais. Me inscrevi para receber os feeds e estou encantada com as matérias.Parabéns pela qualidade das informações, a leveza e diversidade dos textos. Parece que estamos conversando e provando estas delicias! Amei.
    Bjs e obrigada pela generosidade de compartilhar seu conhecimento.

  • Marisa Ono

    Obrigada, Cláudia!
    É, o Google tem sido o meu maior parceiro… Quanto aos textos, eles foram desenvolvidos em cima das estatísticas de acesso. Cada visitante costuma ver, em média, de 4 a 5 páginas em cada visita e gasta pouco mais de 1 minuto em cada uma. A internet é muito dinâmica e os textos não podem ser muito longos. Em alguns casos, acabo dividindo um tema.
    Quanto à diversidade, bem, faz parte do meu mundo. Alguns amigos e leitores dão sugestões, fazem pedidos e apresentam dúvidas. E tento manter em mente que o público é diverso.

  • Oi Marisa,

    Muito interessante! Gostaria muito de ter estes sachês por aqui na Alemanha. Eu adoro iogurte, mas alguns sabores eu evito comprar, pois sei que pelo preço, dificilmente existirá alguma frutinha no pote. Tenho muita vontade de fazer os meus iogurtes, mas me desanima comprar uma máquinhinha só para isso…

    Voltarei para conferir outras matérias

    Bjs

  • Marisa Ono

    O pior, Andrea, é que por aqui diminuiram o tamanho do pote de iogurte. Não posso dizer de todas as marcas, mas algumas que provei, acho que só foram apresentadas às frutas. Para quem consome iogurte todos os dias, acho que a compra de uma iogurteira até que vale a pena. Principalmente desse tipo que faz um litro ou mais de uma vez só. Aquele modelo, dividido em vários potinhos, não me agradou, não.
    Para os próximos dias ainda voltarei a escrever sobre iogurte. Tenho algumas receitas para apresentar.

  • Lisa

    Faço iogurte em casa da seguinte maneira: fervo 2 litros de leite (prefiro o Paulista ou o Batavo, desnatados), deixo esfriar até uns 50ºC (meço com o dedo mesmo), passo para uma vasilha e misturo bem com um copo de iogurte desnatado industrializado, tampo, embrulho a vasilha com uma toalha de mesa, embrulho novamente com umas folhas de jornal, ligo o forno até ficar morno, desligo e coloco o embrulho. Deixo lá por umas 10 horas e o iogurte fica igual ao feito pela minha mãe em uma iogurteira de propaganda na televisão, que depois de comprada, os caras ficam atrás da gente para vender o fermento caríssimo.

  • Erika

    Marisa, por favor me tire uma dúvida. Esse iogurte do Mar Cáspio e kefir são a mesma coisa? Eu costumava tomar do Mar Cáspio no Japão e achava delicioso. Li alguns artigos sobre esse Kefir, que em partes parecem ser semelhantes, exceto na sua forma final de consumo.
    Gostaria muito de conseguir uma amostra do iogurte do Mar Cáspio aqui em SP. Vc tem alguma dica?

  • Marisa Ono

    Não, Erika. O iogurte do Mar Cáspio é formado pelas culturas de Lactococcus lactis subsp. cremoris e Acetobacter orientalis, que conferem uma textura viscosa, parecida com a do Kefir, que é o resultado de uma colônia de lactobacilos e leveduras diversas.
    Infelizmente não sei se alguém comercializa o “starter” do iogurte do Mar Cáspio no Brasil. No Japão, pelo que sei, é comercializado até mesmo em supermercados.

  • João Roberto

    Cara Marisa
    No Brasil podemos obter o starter do Kefir por meio de doação para iniciar a cultura (como foi o meu caso) e posso afirmar que funciona melhorando a resistência do organismo, pois é um excelente probiótico.
    Enquanto que um yogurte comum tem no máximo 3 lactobacilos, o kefir conta com 60 (sessenta), além de leveduras diversas.
    A cultura do kefir é extremamente simples: o starter é adicionado ao leite à temperatura ambiente e o vasilhame é colocado em um armário fechado, deixando-se fermentar por 24 horas, após o que, coa-se e pode ser deixado em geladeira. O starter é posto no leite, reiniciando o ciclo.

  • Marisa Ono

    João Roberto, o Caspian Sea Yogurt também desenvolve-se bem à temperatura ambiente. Pena que a cultura liofilizada ainda não chegou ao Brasil. A vantagem do Caspian Sea Yogurt está no sabor, menos ácido. Tem a desvantagem de ser viscoso. Com cuidado, pode ser reproduzido continuamente.
    Quanto à questão dos probióticos, sou um bocado cética. Consumo iogurte (e outras tantas coisas) porque gosto.

  • Ebi

    Olá. Cara Marisa. Minha Sogra Kazuco faz Kefir e Iogrute do Mar Caspio anos. Dessa vez eu também começei fazer iogrute! Já tenho mais de 1 mes. Muito facil de fazer. Caso ainda não achou, me passa e-mail. Eu moro em Campos do Jordão, e minha sogra em São Paulo.

  • Marisa Ono

    Obrigada, Ebi, ainda tenho umas amostras de ambos, liofilizada.

  • Takuma Tanaka

    Marisa, estou morando em Florianopolis (trouxe o sashe da fujico) e fiz de acordo com “as instruções”. Realmente muito fácil, (até eu consegui!!!. No início achei que não ficaria tão bom quanto o vendido comercialmente lá no Japão, mas me surpreendeu!!! Ficou ótimo!
    Estou a disposição para quem quiser a “cultura” (não é o sashe)

  • Marisa Ono

    Seria ótimo se alguma importadora trouxesse esses sachês de Caspian Sea Yogurt, não? Funcionam bem, o iogurte não é tão ácido.

  • Oi Marisa parabéns pelas publicaçoes, sou consumidora e doadora de Kefir a muitos anos e confesso que fiquei curiosa com esse Caspian Sea Yogurt, alguem ja conseguiu liofiliza-lo no Brasil?
    Eu consegui liofilizar os grãos de Kefir e doo pra td Brasil, se houver alguem q queira fazer uma troca ou ganhar,so escrever yukisw36@gmail.com só peço 3 selos e 1 envelope.

  • Marisa Ono

    Não, Yuki. Enquanto que o Caspian Sea Yogurt é popular no Japão, aqui ainda não apareceu. Uma pena, porque é um tipo de iogurte que pode ser feito sem iogurteira e não é tão ácido.

  • celia

    tenho o iogurte mar Cáspio e faco doação

  • celia

    Marisa,deixe-me explicar melhor, tenho o Iogurte Cáspio (como tenho chamado)e posso lhe enviar a muda se quiser, realmente é muito sencivel, tenho a pouco mais de dois meses e já doei para muita gente, algumas perdem a muda e pedem outra dizendo que não conseguem mais viver sem kkk (realmente é muito bom) com sabor bem diferente do kefir, algumas tentativas de envio por carta não dao certo (tenho mandado de forma liquida) enquanto outras dão super certo, mas acho que a melhor maneira por enquanto é entregar em mãos, tenho organizado uma lista de pedidos(de todo Brasil)na esperança que as pessoas que estão viajando leve p vocês,caso não consga ninguem, tentaremos carta mesmo, grande abraço e feliz natal a todos, obs.mensagens devem ser encaminhadas para minha pagina onde tenho todo controle de doações:https://www.facebook.com/celiasoalimentos

  • Marisa Ono

    Pessoal, quem estiver à procura do iogurte do mar Cáspio, entrem em contato com a Celia.

  • Lidia Rocha

    Olá!Bom Dia!Gostaria muito de receber por doação o Caspian Sea Yogurt.Estou em Porto Alegre-RS.Posso buscar ou receber pelo correio.Sendo pelo correio assumo a despesa por carta simples.Att.Lidia Rocha.

  • Sandra de oliveira

    Alguém ai teria CSY, para doar :)

  • Rafaela

    Gostaria muito de doação para kefir, e fiquei com muita vontade de experimentar o Caspian Sea Yogurt! Alguém sabe como consigo? Moro em São Paulo

  • andrea

    Eu tenho o Caspian, moro na zona sul de São Paulo, posso fazer doação, somente para retirar pessoalmente.

  • celia

    posso fazer doação do Caspian,vejam na minha pagina:https://www.facebook.com/celiasoalimentos

  • Solange

    Moro em Curitiba e gostaria de receber por carta o CSY se alguém puder me doar agradeço e quando tiver farei doações também.Obrigado solange273@ig.com.br

  • kátia

    meu nome é kátia gostaria muito de ter o iogurt Caspian moro na Bahia próxima a Salvador quero saber se tem qlguém aqui perto que tenha para fazer uma doação grata

  • andreia

    Veja se pode me ajudar: no comeco da decada de 90, uma vizinha me deu um “negocio” pra fazer o yogurte. Chamavamos de “bichinho” (eramos criancas). Ha pouco tempo pela internet, em pesquisa, encontrei o “kefir”. Comecei procurar e adquiri um pouco de kefir com uma conhecida, mas nao eh a mesma coisa!!! Os primeiros pareciam maiores, como se fossem umas bolotas, semelhante o “sagu” de mandioca, soh que com um tamanho entre 1cm e 1,5cm, totalmente diferente dos adquiridos agora, que parecem uns cordoezinhos, pequenininhos. A minha esperanca era que fosse esse tal de “caspian sea” mas pelo jeito nao tem nada a ver. Vc sabe se existe o que eu estou falando? qual o nome e onde encontro? p.s. minha vizinha de infancia sumiu!

  • Entao, me encinaram conceguir o Caspian sea e deu super certo, tem uma marca no mercado que eu nao me lembro agora, mas o iogurte chama grego, ele tem natural Ja adoçado e natural de um lado e do outro Calda de fruta( é um potinho dividido ao meio com rotulo azul ) e muito facil de achar em qualquer mercado. Entao o q me encinaram é o seguinte, ferva um litro de leite de saquinho e deixe chegar na temperatura de mamadeira de bebe, separe um copo de 200 ml + ou – e disolva nele 3 Col. Sopa desse yogurt industrial depois junte com o resto q sobrou tampe com um pano de prato e voeala….vc acabou de conceguilo, facil nao é. ………… Qual é o truque???????????? Bom, Eu faço isso a noite e o coloco dentro do microondas, so para guardar, so para ninguem balançar certo, nao vai ligar o micro ta. vc pode guarda lo no forno do fogao, armario ou ancima da geladeira sei la ele tem que ficar em temperatura ambiente. E de manha vc tem 1lt de iogurt do melhor… na terceira vez q vc fizer, vc vai começar a notar q ele vai esta mais durinho. Nao fica bom com leite de caixinha as vezes ate morre nao vira iogurte com o de saquinho da super certo, tem o sabor do iogurt, nao e nada acido porem viscoso, qualquer duvida haroldoliveira_sou@Hotmail.com

  • Marisa Ono

    Essas bolotas que pareciam com pipoca ou verrugas são o kefir. Variam muito, na verdade é uma colônia de elementos diferentes. Conforme a acidez do leite, temperatura, enfim, um monte de fatores, ele pode mudar de aparência porque muda a composição da colônia. Na década de 70 cheguei a ter em casa uma colônia enorme (do tamanho de um cérebro, digamos). É só ir alimentando todo dia.

  • Marisa Ono

    Não, Haroldo, isso não é Caspian Sea Yogurt. O que difere do iogurte industrializado e o Caspian é o bacilo. Se não me falha a memória, um é casei e outro é acidophylus. E as diferenças seguem adiante, no sabor, na temperatura em que se desenvolvem, na acidez, na viscosidade. Isso que você faz é iogurte mesmo. E não é “encinaram”, é ensinaram, conceguilo e ancima não existem no dicionário. E aviso que a responsabilidade de publicar seu e-mail é sua. Não reclame se receber um monte de spam.

  • bom dia marisa, tenho o caspian tb e o que me “ensinaram” fazer fica identico na cor no sabor e viscosidade, agora eu realmente nao sei nada sobre bacilo nen sobre iogurte. Ja fiz aquele de iogurte natural e é muito diferente, é bem acido mesmo e durinho. Faz uma esperiencia pra vc ver, é o grego nestle e me fala o que vc achou. Desenvolve em temperatura ambiente, deve ser outro bacilo mas passa longe dos outros iogurtes. E logico que eu nao misturei as duas culturas, nao sou louco, e sobre meu comentario eu so queria dividir a informaçao com vc, poderia ser verdade nao é. Me desculpe pela ignorancia sobre o assunto e se te ofendi com o que disse ou com os erros de portugues. Ainda nao sei muito sobre internet, nao sabia mesmo isso sobre o email, obrigado pela informaçao, gostaria mesmo de saber se vc fez o teste e o que vc achou?e se a escrita estiver errada por favor me corrija, é que escrevo mal mesmo. Bjs

  • Marisa Ono

    Obrigada, Haroldo. O problema é que nem a Danone nem a Nestlé esclarecem que bacilo usam. Por outro lado, numa rápida pesquisa, vi que existem centenas, talvez milhares de bacilos que produzem iogurte, cada um com suas características. Só um detalhe: talvez o seu iogurte não fique tão ácido porque fermentou pouco tempo. Eu costumo deixar o iogurte fermentando por 12 horas ou mais. Isso para ter um baixo índice de lactose (embora não seja intolerante) e porque gosto de iogurtes ácidos.

  • Sabe o q acontece Marisa, o iogurte caspian que eu tenho é tão parecido com o que fiz com o de potinho, que tambem sabendo o quanto é dificil encontar alguem que tenha o csy, o que penso e q o csy que tenho ” o original ” e o mesmo da nestle então. Tb coheço algumas pessoas q tem o csy na minha cidade q é o mesmo do meu, quem me ensinou a fazer o iogurte com o nestle grego é minha vizinha. Entao eu procurei saber como era a aparencia do tal iogurte tao falado, e o que perceb de inicio era aquilo mesmo, muito viscoso, cremoso, sabor nada nada acido, nossa me enganou mesmo. Eu fermento ele a noite ate de manhã, da mais ou menos 12 hs tb, em temperatura ambiente. Marisa muito obrigado, adorei o blog e vou continuar visitando. Bjs…

  • Marisa Ono

    Fermentados são uma coisa bem curiosa, Haroldo. Microorganismos geralmente têm uma temperatura ideal para desenvolvimento. Alguns até vão sobreviver em temperaturas mais baixas ou mais altas, mas não vão produzir enzimas suficientes para desenvolver certas características ou até mesmo desenvolver enzimas diferentes. É até provável que fermentando a 36 graus por 12 horas o seu iogurte desenvolva sabor, aroma e texturas diferentes.

  • Tadeu

    Olá Marisa, boa noite! Hoje ganhei um pote com iogurte do mar Cáspio, a doadora me disse que eu poderia consumi-lo após o jantar, só que ao cheirar o pote senti um misto de cheiro de fermento e algo que talvez lembre cerveja. Coei o conteúdo para tirar o soro, em seguida misturei a pasta com leite num recipiente esterilizado. Amanhã vou examinar para ver se o cheiro permanece. Você poderia me descrever que cheiros o iogurte cáspio pode ter? Se o cheiro permacecer vou descartar pois acho que pode estar adulterado. Aguardo sua resposta, abraços!

  • O caspian original de cultura é o que vem de fora do Brasil, ele é tipico da região do mar Cáspio
    e atinge o Japão, onde é muito conhecido como Marisa comentou. lá acha-se em supermercados pronto para consumo ou em saches liofilizados para se iniciar uma cultura em casa.
    Realmente ele é muito melindroso e oque se tem de facilidade em prepara-lo tem em dificuldade e conservar. Mas consegui descifrar boa parte desta problemática até mesmo para orientar quem vai iniciar a cultura agora.

    Minha tia que vive em Fukuoka no Japão os enviou juntamente com uns artigos que nós amamos em 2008 de uma marca que não é FUGIGO, fiz uso por 2 anos, mas adversidades tornou-o amarelado. Em 2010 minha tia o trouxe pessoalmente na mala em visita familiar. usei por 3 anos e meio e enviei aqui no Brasil liofilizados para muitas pessoas.
    Dei um tempo nos envios devido o tratamento de meu esposo, pois a liofilização requer muito cuidado, mas se você desejar envio para ti, caso não o tenha conseguido aqui no Brasil eu os tenho. Só me de um Konnichiwa.
    Obrigada á todos e grande abraço.

  • Marisa Ono

    Tadeu, tem cheiro de iogurte, ou seja, levemente ácido, remetendo vagamente a queijo. O cheiro de um fermentado pode variar, dependendo de diversos fatores, como temperatura da fermentação, tempo de fermentação, qualidade do leite, enfim.

  • JEANE

    Oi pessoal, estou LOUCA atrás do Caspian Sea Yogurt…
    Próximo a minha cidade ninguém tem para doar e já tentei com muita gente, sem sucesso! :(
    POR FAVOR, SE ALGUÉM AQUI DOA Caspian Sea Yogurt, ENTRE EM CONTATO COMIGO pelo meu e-mail (jeanebaracho@yahoo.com.br), com instruções de como proceder q eu respondo imediatamente.
    Li q algumas pessoas aqui estão doando, mas nos comentários não tem o e-mail dos doadores para eu entrar em contato. :(
    ADOREI a página e espero conseguir a doação, aqui no interior de Minas tem quem doa Kefir e já estou combinando com um rapaz de pegar umas sementes de kefir tb, mas confesso q o meu maior desejo é conseguir o Caspian Sea Yogurt.
    Bjus! E boa sorte a todos q estão a procura tb!

  • Silvana

    Gostaria de saber se consigo comprar o fermento liofilizado pela internet. Tentei pelo link e não está disponível. Será que tem no ebay? Não estou conseguindo encontrar!! Obrigada (moro no interior do Amazonas)

  • Silvana, entre em contato, eu envio para você
    Dilzaanjoevida@msn.com

  • Eduardo

    O cheiro bem forte de queijo é comum ou pode ser contaminação? A 1a versão que fiz não ficou tão consistente (a parte superior sim, mas a do meio não), mas o cheiro de queijo ficou forte. Devo descartar? Obrigado

  • Marisa Ono

    Não, ele não tem cheiro muito forte, não. Nem é muito ácido. Ele também não é consistente, é um iogurte muito viscoso, “babento”.

  • Eduardo

    Muito obrigado!!

  • Patrícia

    Onde consigo amostra desidratada?

  • Dilza

    Patricia, eu tenho estou aqui no Brasil, se desejar eu envio para você

Leave a Reply

  

  

  

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>