6 Comments

  1. Marisa Ono

    Acho que vou criar mesmo a categoria “Cozinha do Desespero” (com direito a pasta própria e tudo mais). Facilitaria a busca.

  2. Marisa Ono

    Mas a Cozinha do Desespero é mais do que rápida; desespero envolve poucos ingredientes, uma única panela ou frigideira, poucos trabalho com facas, nenhum equipamento exótico e a possibilidade de ser feito com antecedência. Mas o critério básico é que seja algo que impeça de pegar o telefone e discar para a pizzaria…

  3. Na descrição da cozinha do desespero, acrescentaria o “não tem como ficar ruim, no máximo um não muito gostoso”, ehehehe!
    O avô da minha filha faz essa sopa com rodelas de calabreza defumada, couve cortada fininha e coentro, que é o que dá um saborzinho especial, pra quem gosta de coentro, claro.

  4. Marisa Ono

    Bem-vinda, Yoko!
    Cozinha do Desespero é uma categoria à parte. Não vejo como classificar. É menos deprimente que um macarrão instantâneo? É mais balanceado que alguma coisa congelada? Fica pronto em menos de meia hora (tempo que as pizzarias levam, em média, para fazer uma entrega)? Então está valendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *