Creative Commons License
Blog Delicia by Marisa Ono
is licensed under a Creative Commons.

Imagem cedida pelo Studio Oz

Alho Negro na Bombay

Pinterest Master

  Pinterest

Doe Com Um Clique

Imprimir Imprimir

Pão com Nozes e com Figo Seco

Pão com Nozes e com Figo Seco

Ontem resolvi testar a receita da Mari Hirata de pão de figos com fermento natural.  Para isso, usei o fermento natural que tenho cultivado em casa e que comentei aqui, da Hoshino Koubo. Uma parte, usei figos, como na receita da Mari. Noutra, usei nozes. Ambos ficaram bons, embora o de figos tenha ficado melhor, com um aroma delicado e sabor levemente adocicado. Fiz pães pequenos, com cerca de 60 gramas cada. A textura dos pães com fermento natural é mais firme que com o fermento industrializado. A côdea é mais espessa e o aroma, bem diferente. O de nozes, na minha opinião, combina bem com queijos. Já o de figos, ficaria bom com um queijo leve, geléia ou puro.

Repito aqui a receita publicada na Folha:

Pão de figos com fermento natural

Ingredientes

- 700 g de farinha de trigo
- 100 g de farinha de centeio
- 300 g a 400 g de fermento caseiro
- 5 g de extrato de malte (*)
- 450 ml a 500 ml de água filtrada (**)
- 15 g de sal
- 4 a 5 figos secos picados (*)

Modo de preparo

Misture em uma vasilha grande as farinhas de trigo e de centeio, o malte, o fermento e a água (não coloque o sal agora). Misture tudo até obter uma massa mais para pegajosa que para seca –não precisa sovar. Cubra a vasilha com um pano úmido e deixe descansar por 15 minutos. Esse descanso possibilitará que a massa absorva o máximo possível de água, soltando o glúten da farinha e tornando-se bem elástica (neste momento, o sal seria um obstáculo, pois tende a retirar a água de dentro da farinha).

Depois de 15 minutos de descanso, a massa deve receber o sal e ser sovada pela primeira vez. Ela vai se tornar elástica e lisa –se ainda estiver excessivamente grudenta, pode-se colocar um pouco mais de farinha de trigo. Acrescente os figos picados e coloque a massa em uma vasilha untada com azeite e coberta com filme plástico (se estiver calor, a massa deve duplicar de volume em seis horas; no frio, pode levar de oito a dez horas). Dobre as laterais da massa em direção ao centro, de maneira a formatar uma bola. Coloque-a em um tabuleiro enfarinhado onde o pão será assado (deixe o lado mais feio para baixo). Cubra a massa com um pano e deixe crescer por mais duas horas até dobrar de volume. Com uma faca, faça cortes superficiais na parte de cima da massa e, se quiser, decore o pão com pedaços da própria massa.

Asse o pão em forno preaquecido a 300ºC por dez minutos. Durante esse tempo, borrife um pouco d’água com um spray sobre a massa a cada um ou dois minutos (umas cinco ou seis vezes). Esse procedimento fará com que o pão fique com uma crosta crocante.

Quando o pão estiver com uma cor ligeiramente dourada, abaixe a temperatura do forno a 250º C e asse por mais 30 minutos. Abaixe a temperatura a 200º C e termine de assar por mais 30 minutos. Se o dorso do pão soar oco, ele está pronto.

Deixe esfriar completamente em cima de uma grelha. O pão continua gostoso por uma semana se bem embalado em um pano e dentro de um saco plástico. Ou fatiado e congelado por um mês (neste caso, deve-se torrá-lo levemente antes de degustar).

(*) vendido em casa de alimentação natural; na falta substituir por maple syrup ou karo (é melhor do que o açúcar, pois não é adocicado)
(**) se a água tiver muito cloro, pode matar o fermento
(*) o figo pode ser substituído por outras frutas secas ou ser acompanhado por pedaços de nozes ou castanhas

Share This Post

1 comment to Pão com Nozes e com Figo Seco

Leave a Reply

  

  

  

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>