2 Comments

  1. Silvio

    Marisa,
    Amo este pão!
    Vou deixar uma dica, que li uma vez e que a prática demonstrou ser verdadeira: ao abrir o disco de massa, não se deve virá-lo. Abre-se apenas de um lado. Assim, ao se assado, infla e forma a desejada bolsa.
    É isso.
    Um abraço,

  2. Marisa Ono

    Oi, Silvio. Sabe que eu nunca viro massa enquanto estico? Giro, para esticar em forma mais regular. Acho que vou experimentar da próxima vez, para ver se tem fundamento. O que sei é que é sempre melhor cortar as porções e enrolar, nada de ficar pegando pedacinhos de massa para completar uma porção. Pelo que parece, quanto menos cortar a massa, depois de fermentada, melhor. A estrutura da rede de glúten é melhor preservada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *