7 Comments

  1. Diulza Angelica dos Santos

    OI, batize com o nome da cidade que teve o tsunami, em homenagem, Marisa acho que vc podia dar umas aulas para nós, nunca consigo fazer fermento natural, isto que dá não observar quando a mãe, ta fazendo,minha mãe fazia e usava o ano todo,bjs.

  2. Adoro fazer pão caseiro.
    Costumo seguir as receitas direitinho, prá não errar.
    Farei o fermento. Mas, minha dúvida é a seguinte: como saber a quantidade certa do fermento para a receita de pão que você sugere? Ou seja, para cada 500 gr de farinha posso usar UMA receita de fermento?
    Aliás, parabéns pelo Blog. Vou segui-la. Abs

  3. Marisa Ono

    Dilze, eu fiz 3 receitas de fermento e renderam 2 receitas de pão (1 kg de farinha). É só ir adicionando o líquido coado, até dar o ponto.

  4. Maria de Lourdes Araujo

    olá!!
    moro em salvador desculpa por favor….
    olha ja tentei umas 4x fazer esse fermento natural olhe usei 3 receitas diferentes,sabe o que acontece? vira uma tapioca no fundo do vidro.melhor explicando fica uma especie de mingau não leveda de jeito nenhum!!!!!!!
    o que esta acontecendo com meu fermento????

  5. Marisa Ono

    Porquê não compra o livro “Pão Nosso” do Luiz Américo? Ainda não comprei, mas ele trata de pães com fermentação natural. Eu cansei de lidar com fermentos ácidos, agora ando lidando com fermentos alcóolicos, que não têm aquele aroma azedo e rendem pães um pouco mais leves.

  6. Marisa Ono

    Não creio que vendam. É difícil mantê-lo, logo passa do ponto ideal e começa esporular (fica verde) e impróprio para consumo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *